quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

O Partido de Deus

0 comentários
Circunscritos no pentagrama do pagão
Estão o fogo, a água, o ar e a terra -
Agora, sobre a cruz, impressos estão
O sangue e as marcas da guerra!

Sob os triângulos de um nazista
Costuraram milhões de judeus -
Achavam-nos uma gente esquisita;
Padre! Onde estava vosso Deus?

Para destruir muçulmanos e sua tradição
Os que já foram mártires da fé
Hoje alimentam as chamas da Inquisição
Enquanto Deus parece aplaudi-la de pé!

Mas será Deus partidário disto,
Dessa máfia que chamam religião?
E o que diria o Senhor Cristo
Se pudesse ver a sua criação?

Luciana Nogueira
http://anjoshistericos.blogspot.com
hysteric.angel@hotmail.com
Santos, SP



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Someone Like You (Adele)

0 comentários


__________
Para sugerir alguma música, envie um e-mail para:
casadopoeta.stgo@gmail.com.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Para conhecermos os...

0 comentários
Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade.

Confúcio

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Aqui estou, querida

0 comentários
Aqui estou, querida
Trago sua flor, aquela, perdida.
Por favor, apareça... Oh, céus
Estanque o sangramento desta ferida

Em seu candelabro restou apenas uma vela
Assim como nosso amor...
Nosso amor
Por que dele só restou eu?

Por favor, apareça
Tem sido frio aqui sem você
Sem teu som, sem teu corpo...
Por favor, apareça...

Sem tua flor,
Aqui estou, querida.
Numa mão, seu candelabro
Noutra, minha ferida
No chão, sua carta indesejada de despedida.

Linniker F. de Oliveira
http://www.theroombooks.blogspot.com
linniker_uba@hotmail.com
Ubatuba, SP



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.


ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Desalento

0 comentários
Se isolar do mundo é fugir da realidade,
Talvez melhor ou quem sabe pior forma de tentar compreender
Tais dores que o amor trás consigo...
Mesmo sendo incompreensível
Chama por compreensão o coração
Inconsciente sente
E sem razão qualquer
Não entende que esse amor somente dor trás com ele
E a felicidade que tanto tentamos encontrar,
Apenas em sonhos impossíveis parece estar...
Sem compreender, sem ao menos saber o que fazer
Apenas tentando arrancar todo o sentimento
Que hora parece ser o motivo do pulsar do coração,
Hora parece ser o veneno para o fim...
Link
Eduarda dos Santos Brito
http://onlymemories7.blogspot.com
eduarda.brito777@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

domingo, 18 de dezembro de 2011

Ainda te espero

0 comentários
Algum dia fui teu prazer
Hoje sou aquilo que te fere
Algo que simplesmente te faz chorar
Por uma inexistente felicidade
Que insistes em sonhar

Sempre te vejo além das colinas
Nas quais um dia te amei
E hoje reflito o tempo perdido
Que nelas te esperei

Só restaram saudades
Daquilo que não aconteceu
E que hoje leve no tempo se esqueceu

Ame tudo que amar
Viva tudo que viver
Pense tudo que pensar
Pois eu sempre estarei aqui...
"Só, a te esperar...

Daniel Augusto Mott Martins
http://art-alone.blogspot.com
daniel.mott6@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Dia do Engenheiro

0 comentários

Dia do Arquiteto

0 comentários

Dia do tango

0 comentários
Em 1872 assume a presidência da República Argentina, Domingo Faustino Sarmiento e nesse mesmo ano publica-se a obra El Martín Fierro (chamada por muitos de A Biblia Gaucha) de José Hernandez. Em 1873 se estabelece a primeira fábrica de malhas de lã. Nesse mesmo ano é derrotado, pelas tropas nacionais, o último caudilho federal, Ricardo Lopez Jordán. En 1874 é vencida em La Verde a rebelião do Geral. Bartolomé Mitre que se opunha ao triunfo eleitoral de Nicolás Avellaneda. Também aparecem as primeiras manifestações do tango nas tropas portenhas do Gral.

sábado, 10 de dezembro de 2011

Dia do Palhaço

0 comentários
Antigamente, quando o circo chegava às cidades, as crianças cantavam nas ruas: Hoje tem goiabada? Tem sim senhor! O palhaço o que é? É ladrão de mulher! Que história é essa? Ladrão de mulher? Nada disso. O palhaço é apenas o ladrão da tristeza, o mensageiro da alegria. Com seu nariz vermelho, seu colarinho folgado, a boca enorme, as botas desencontradas, uma em cada direção, ele transforma o mundo numa bola colorida que todos podem jogar, pobres e ricos, feios e bonitos.

Palavras e Ondas (10 de dezembro)

0 comentários
Sintonize 87,9, rádio Central FM, a partir das 14h.

Você poderá ouvir o programa pela internet, clicando AQUI.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

A gaiola

0 comentários
E o porquê de tudo isso
Está escondido entre os vestígios
Desse platônico vazio
Dessa coisa surreal

Não sei o quê mudará
Nem ao menos o quê ficará
Não há caminhos abertos
Nem verbos conjugados

Não há lua nem moinho
Sou só eu, ninguém mais
Dentro dessa caixa
Dessa estranha gaiola

De onde os pássaros não saem
E a luz não entra
Onde as regras não se encaixam
E o sol não esquenta

Camilla Cruz
http://spleen-e-charutos.blogspot.com
camillcruz@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.


ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

35º Cafezinho Poético

0 comentários

Em devaneios, uma sinfonia...

0 comentários
Em devaneios me faço à uma sinfonia
Em trágicos acordes
Que me perco em melancolia
Em cello’s, o terror
Adagio suspiro, minha inspiração
Meu horror...

Allegretto, meu desespero
Em que me perco ao suspense
Ao gemer da viola
A harpa que chora
Ao trágico Presto sem alcançe.

Aos devaneios...
Que anseios!
Se fazem o canto
Vosso tenor...
Que nesta arte,
mostras o teu amor

Ao ouvir do canto lírico
Minha saudade
Que bate sem pena...

Meus suspiros poéticos
Que ante esta sinfonia
Formam de tamanha poesia
Tais Maestosos, simples versos ...

Daniel Augusto Mott Martins
http://art-alone.blogspot.com
daniel.mott6@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

Canção do CTG, Os Legalistas

0 comentários
Letra: Clodinei Silveira Machado
Música: Patrício Maicá
Ritmo: Chamarra

CTG, Os Legalistas
Representa a sociedade
De todo o regionalista
Que mantém sua identidade

As tradições do Rio Grande
E as normas do MTG
Nesse CTG se expandem
E eu já explico o porquê

(CTG, Os Legalistas
É um esteio nas Missões
Sempre em pé pelo Rio Grande
E pelas nossas tradições)

Se alguém esquecer, eu lembro
Das folhas do calendário
Vinte e quatro de setembro
Marca o seu aniversário

Respeitando os caudilhos
Que forjaram nossas trilhas
Segue passando pros filhos
Os valores da família

* (Vencedora do Festival - Escolha da canção do CTG, Os Legalista -, de Santo Ângelo, ocorrido na solenidade de comemoração dos 50 Anos de fundação)

Clodinei Silveira Machado
silveiraselva@ibest.com.br
Santo Ângelo, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.


ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

220 anos da morte de Mozart

0 comentários
Wolfgang Amadeus Mozart, batizado Joannes Chrysostomus Wolfgangus Theophilus Mozart; Salzburgo, 27 de janeiro de 1756 – Viena, 5 de dezembro de 1791, foi um prolífico e influente compositor austríaco do período clássico.

Mozart mostrou uma habilidade musical prodigiosa desde sua infância. Já competente nos instrumentos de teclado e no violino, começou a compor aos cinco anos de idade, e passou a se apresentar para a realeza da Europa, maravilhando a todos com seu talento precoce. Chegando à adolescência foi contratado como músico da corte em Salzburgo, porém as limitações da vida musical na cidade o impeliram a buscar um novo cargo em outras cortes, mas sem sucesso. Ao visitar Viena em 1781 com seu patrão, desentendeu-se com ele e solicitou demissão, optando por ficar na capital, onde, ao longo do resto de sua vida, conquistou fama, porém pouca estabilidade financeira. Seus últimos anos viram surgir algumas de suas sinfonias, concertos e óperas mais conhecidos, além de seu Requiem. As circunstâncias de sua morte prematura deram origem a diversas lendas. Deixou uma esposa, Constanze, e dois filhos.

Foi autor de mais de seiscentas obras, muitas delas referenciais na música sinfônica, concertante, operística, coral, pianística e de câmara. Sua produção foi louvada por todos os críticos de sua época, embora muitos a considerassem excessivamente complexa e difícil, e estendeu sua influência sobre vários outros compositores ao longo de todo o século XIX e início do século XX. Hoje Mozart é visto pela crítica especializada como um dos maiores compositores do ocidente, conseguiu conquistar grande prestígio mesmo entre os leigos, e sua imagem se tornou um ícone popular.

Escute "Requiem":


Dia Internacional do Voluntariado

0 comentários
O voluntariado é uma atividade inerente ao exercício de cidadania que se traduz numa relação solidária para, com o próximo, participando, de forma livre e organizada, na solução dos problemas que afetam a sociedade em geral. Reconhecendo que o trabalho voluntário representa, hoje um dos instrumentos básicos de participação da sociedade civil nos mais diversos domínios de atividade a Lei n.° 71/98, de 3 de Novembro, estabeleceu as bases do enquadramento jurídico do voluntariado.

sábado, 3 de dezembro de 2011

Dia Internacional do Deficiente Físico

0 comentários
No ano de 1982, a Assembleia Geral da ONU – Organização das Nações Unidas, criou um programa que visa atender as necessidades das pessoas com qualquer tipo de deficiência física, o Programa de Ação Mundial para Pessoas com Deficiência.

Dez anos depois, no dia 14 de outubro, a Assembleia instituiu o dia 03 de dezembro como o dia internacional do deficiente físico, para que pudessem conscientizar, comprometer e fazer com que programas de ação conseguissem modificar as circunstâncias de vida dos deficientes em todo o mundo.

Podemos considerar como deficiência física, quando alguma parte do organismo humano não apresenta um funcionamento perfeito, porém isso não pode ser considerado como diferença, pois existem várias pessoas com os mesmos tipos de limitações que as tornam normais dentro de suas possibilidades.

Com o passar dos anos, a deficiência passou a ser vista como uma necessidade especial, pois as pessoas precisam de tratamentos diferenciados e especiais para viver com dignidade. Sabemos que isso não acontece, pois o mundo não é adaptado para essas pessoas, que sofrem muito em seu dia a dia.

Construir rampinhas nas ruas é uma forma de mascarar o verdadeiro tratamento que os mesmos deveriam receber. Além destas, em nosso meio social deveria existir leitura em braile para atender os deficientes visuais; acesso aos ônibus e lugares públicos aos cadeirantes; que a população aprendesse a conversar na linguagem de libras, para atender os surdos/mudos; além de planos governamentais voltados para a saúde e reabilitação dessas pessoas, visando amenizar suas dificuldades bem como capacitá-las para a vida social, para o exercício da cidadania.

As escolas deveriam ter profissionais preparados para lidar com as limitações, assumindo maior compromisso com a formação dos professores, coordenadores e diretores, que muitas vezes não sabem como lidar com as necessidades especiais. É dever da escola promover conhecimento a fim de garantir o aprendizado de uma profissão, dando-lhes garantia e dignidade para o futuro.

Não adianta afirmar que a sociedade não está preparada. Passou da hora de arregaçarmos as mangas e tratar os portadores de necessidades especiais como pessoas normais, pois são normais embora tenham algumas limitações. Todas as pessoas são diferentes, assim como a cor dos olhos, dos cabelos, a raça, enfim, existem aquelas que apresentam as diferenças físicas, mas que são pessoas como outra qualquer.

Tratá-las com indiferença ou com desrespeito são formas de preconceito, previsto na Constituição do Brasil, assim como é direito desses estar incluídos na sociedade, pois são produtivos e capazes.

Podemos nos certificar das capacidades dos portadores de necessidades especiais nos jogos paraolímpicos, onde os mesmos atingem recordes e conquistam várias medalhas. Participam de várias modalidades esportivas, como atletismo, futebol, natação, basquete, dentre outras.

A sociedade já mudou muito nos últimos anos em relação às necessidades especiais, mas ainda temos muito que melhorar. Hoje em dia podemos ver essas pessoas trabalhando em empresas, como supermercados, lanchonetes, restaurantes, farmácias, escolas, pois a lei obriga que um percentual dos funcionários sejam portadores de necessidades especiais, como forma de garantir-lhes oportunidades no mercado de trabalho.

Dessa forma têm assegurado a integração social além de conviverem com valores de igualdade de oportunidades. Mas será que isso realmente acontece? Pensem nisso!

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

Palavras e Ondas (3 de dezembro)

0 comentários
Sintonize 87,9, rádio Central FM, a partir das 14h.

Você poderá ouvir o programa pela internet, clicando AQUI.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Dia da Astronomia

0 comentários
Hoje comemoramos o Dia da Astronomia! Esta data é comemorada no mesmo dia do aniversário do imperador do Brasil Pedro II, que era um astrônomo amador. Do grego “leis das estrelas”, é a ciência que envolve os planetas, estrelas, galáxias, telescópios, missões espaciais e grandes descobertas.

A astronomia lida com a origem, evolução, composição, distância e movimentação dos corpos e matérias dispersos no universo, e é também a ciência mais antiga que existe. Galileu Galilei foi o pai da astronomia moderna e maior cientista de todos os tempos! Foi ele que apoiou a teoria de Copérnico de que o Sol, e não a Terra era o centro do sistema planetário.

Experimente observar o céu à noite, e veja a quantidade de estrelas que podem ser vistas, além de alguns planetas que também podem ser vistos a olho nu!

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

A Árvore da Vida

0 comentários


__________
Para sugerir algum filme, envie um e-mail para:
casadopoeta.stgo@gmail.com.

Dia Mundial da Luta Contra a Aids

0 comentários
Em 1º de dezembro, comemora-se o Dia Mundial de Luta Contra a Aids. E a campanha deste ano dará enfoque nos jovens gays de 15 a 24 anos das classes C, D e E. A ação busca discutir as questões relacionadas à vulnerabilidade ao HIV/aids, na população prioritária, sob o ponto de vista do estigma e do preconceito. Além disso, a ideia é estimular a reflexão sobre a falsa impressão de que a aids afeta apenas o outro, distante da percepção de que todos estamos vulneráveis.

Públicos secundários: profissionais de saúde, gestores, profissionais da área de educação e comunidade escolar.

Mídias sugeridas: TV, rádio, internet, cartazes, fôlderes e mobiliários urbanos

Mais informações sobre especificação de materiais para licitação devem ser solicitadas por meio do e-mail: publicidade@aids.gov.br.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Dia do Estatuto da Terra

0 comentários
Um dos primeiros códigos inteiramente elaborados pelo Governo Militar no Brasil, a Lei 4504, de 30 de novembro de 1964, foi concebida como a forma de colocar um freio nos movimentos campesinos que se multiplicavam durante o Governo João Goulart.

Apesar de importantes peças para o ordenamento jurídico brasileiro, seu conteúdo é muito pouco difundido, e conta com poucos especialistas no meio doutrinário. Conquanto seus conceitos abarquem definições de cunho inteiramente político, servem para nortear as ações de órgãos governamentais de fomento agrícola e de reforma agrária, como o INCRA.

São diversos os conceitos ali enunciados, com importantes repercussões para a vida no campo, bem como a relação do proprietário de terras com o seu imóvel. Dentre elas:

  • Reforma agrária - é o conjunto de medidas que visem a promover melhor distribuição da terra, mediante modificações no regime de sua posse e uso, a fim de atender aos princípios de justiça social e ao aumento de produtividade.
  • Módulo rural - consiste, em linhas gerais, na menor unidade de terra onde uma família possa se sustentar ou, como define a lei: lhes absorva toda a força de trabalho, garantindo-lhes a subsistência e o progresso social e econômico - e cujas dimensões, variáveis consoante diversos fatores (localização, tipo do solo, topografia, etc.), são determinadas por órgãos oficiais. Por estes critérios, uma área de várzea de meio hectare pode configurar, em tese, um módulo rural - ao passo que 10 hectares de caatinga podem não atingi-lo.
  • Minifúndio - Uma propriedade de terra cujas dimensões não perfazem o mínimo para configurar um módulo rural (nos exemplos anteriores, uma várzea de 0,2ha...)
  • Latifúndio - propriedades que excedam a 600 módulos rurais ou, independente deste valor, que sejam destinadas a fins não produtivos (como a especulação).

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Parabéns, Rodrigo Neres

0 comentários
Hoje, 29 de novembro, é o dia do aniversário de nosso amigo Rodrigo Neres, gestor do Departamento de Cultura da SMEC e também integrante da Casa do Poeta de Santiago, como diretor de eventos. Rodrigo é professor de História e uma das pessoas que mais incentiva a cultura em nossa cidade, seja por conta de seu trabalho e também por suas atitudes. É uma pessoa muito admirada por sua seriedade, profissionalismo e bom humor. Recebe o abraço dos amigos da Casa do Poeta.

Grande talento descoberto pelo CNA

0 comentários

Ivan Medeiros, de Jaguari, teve seu talento musical descoberto quando convidado para se apresentar no jantar do CNA, em agosto deste ano. Mais uma vez a convite do CNA, fez um excelente show na Feira.

Bate-papo com ex-intercambistas do Programa de Intercâmbio de Jovens e de Grupos de Estudo

0 comentários
Lígia Rosso, Francisco Fiorenza e Mauro Maronez conversaram sobre suas experiências no exterior, fazendo um paralelo das trocas culturais que vivenciaram nos países visitados.

Dia do Café

0 comentários
O café durante muito tempo foi o principal produto agrícola do Brasil. Ainda hoje é um produto bastante representativo na produção agrícola. O Brasil é o maior exportador de café do mundo!

O café é de origem Africana e foi trazido para o Brasil pelo Sargento-mor Francisco de Melo Palheta no início do século XVIII. Você nunca ouviu falar de café Palheta? Rapidamente o café espalhou-se pelas terras do Paraná, Minas gerais, Goiás e Rio de Janeiro.

Mas foi nas terras férteis de São Paulo (conhecido como 'terra roxa') que o café mostrou todo o seu potencial econômico. Já em meados do século XIX, o estado estava entre os primeiros produtores do país. Os "Barões do café", donos das grandes fazendas de café, além de deterem poderes econômicos, ocupavam cargos importantes na política brasileira. Pergunte a sua professora o que foi a política do "café com leite"?!

Durante muito tempo o nosso cafezinho ficou esquecido. Mas de dez para cá, os produtores se uniram e revitalizaram a bebida. O que antes não tinha muita opção, hoje conta com muitas variedades como: forte, suave, orgânico, torrado, moído, solúvel e etc. Além disto, surgiu uma quantidade enorme de cafeterias, revitalizando o hábito de tomar um cafezinho! Viva o nosso café conhecido e apreciado mundialmente!

No labirinto, se...

0 comentários
No labirinto, se ligue nos atalhos. Eles podem ser mais saborosos do que a própria saída.

Rogério Abreu

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Curta nossa página no facebook

0 comentários

Sessão de autógrafos com Camila Jornada

0 comentários
Camila Jornada e Sadi Machado.

Camila e sua amiga Priscila.

A autora, com os amigos da Padaria Fronteira: Gilberto, Odete e Vinicios.

Camila & Rose.

O abraço da autora.


Camila autografa para Rose Antunes.

Camila e a secretaria de Educação, Denise Cardoso.

Camila lança "Poemas em Retalhos & outros Panos."



Camila e o advogado Valdir Pinto.


Camila autografando para sua mãe.












Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...