segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Você é escritora? Mostre seu talento!

0 comentários
Até a próxima sexta-feira, 03 de fevereiro, as escritoras de Santiago podem enviar textos para participar da seleção para o livro Infinitamente Mulher, que mostrará o talento das santiaguenses na literatura. O livro reunirá contos, crônicas e poesias produzidas por escritoras veteranas até as mais jovens. O lançamento vai ocorrer no evento Mulher Nota Mil, dia 8 de março deste ano, sendo que cada escritora participante vai ganhar um exemplar. A organização do livro é do Centro Materno Infantil e Casa do Poeta de Santiago.

Envie seu texto para o e-mail casadopoeta.stgo@gmail.com.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Escal(pelando) Janeiro

0 comentários
Dureza.

É comer rapadura velha
sob o sol de janeiro.
Magnânimo.


Moleza.

É encontrar algumas respostas
e perceber a vida de costas,
com tantas outras dúvidas.
Desânimo.


Fraqueza.

É evitar velhos erros, burlar desejos, anos a nadar,
e morrer na praia,
atingido por um olhar.
Fenômeno.

Douglas Victor Flores
http://ensaiosdoimproviso.blogspot.com
douglas_v.f@hotmail.com
Itaqui, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.


ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Do quartinho que eu estava...

0 comentários
Do quartinho que eu estava
onde não conseguia dormir
estava eu bem escorada
na janela, lembrando de ti

dos velhos tempos, onde o chimarrão
e os enlouquecidos risos eram nossos companheiros
e o vento, de tão forte, batia ao meu rosto
escrevendo num papel o teu eterno esboço

dessa peça miuda - sua humilde residência,
encontro no céu as estrelas mais lindas
que, enquanto sua permanência,
me servem de luz nessa minha carência

do bem material foi o que restou
do espírito eu não sei, mas o mar não o levou
pois ainda sinto aqui, nesta casa miuda, algo que canta
a mais grandiosa beleza em ti:
tua história gigantesca, minha querida avó Santa.

Fernanda Fávero Alberti
http://poeta-de-privada.blogspot.com
fernanda.lbrt@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

domingo, 22 de janeiro de 2012

Coluna Quebrada

0 comentários
Chorei por quinze minutos, mas poderia ter chorado a noite inteira. O que me fez levantar do chão do banheiro e desligar a água muito quente que não lavava as minhas lágrimas constantes nem tampouco aquecia-me o corpo foi o teu pedido para que, ao invés de chorar, escrevesse algo para nós.

Desculpe-me se às vezes eu sou apenas uma coluna quebrada com vigas retorcidas ao invés daquele pilar que te sustenta de pé mesmo apesar do enorme peso sobre os teus ombros. Mas acho que de vez em quando eu sou mesmo muito frágil, e preciso me apoiar um pouquinho em ti para continuar andando. Não quero te fazer cair junto comigo, mas, se cairmos os dois - como tanto temos feito por tropeçar no mundo pelo caminho -, tudo bem. Eu vou me sentar, me deitar ao teu lado até a dor passar. Não importa o quanto demore ou quantas vezes isso aconteça.

Chorei e escrevi. Mais escrevi do que chorei, porque minhas palavras choraram por mim. Se, naquele momento, você pudesse estar aqui, teria certeza de que eu daria a minha vida, que morreria da pior maneira possível apenas para te abraçar. Como pode esperar que eu não sinta saudade - como, se ainda me lembro da tua mão estendida no ar, esperando pela minha?

Luciana Nogueira
http://anjoshistericos.blogspot.com
hysteric.angel@hotmail.com
Santos, SP



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

sábado, 21 de janeiro de 2012

Palavras e Ondas (21 de janeiro)

0 comentários
Sintonize 87,9, rádio Central FM, a partir das 14h.

Você poderá ouvir o programa pela internet, clicando AQUI.

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Dual

0 comentários
Que prazer e dor
Traz o amor
A tortura e o encanto
Se fundem num só

Vou aos poucos
Perdendo o juízo
Logo encontro o inferno,
E volto ao paraíso

Em poucos segundos,
Enlouqueço
Enredo-me em tuas teias,
Logo esqueço

Afogo-me em lágrimas,
Vivo em desilusão
Logo fico rindo,
Perco a razão

Camilla Cruz
http://spleen-e-charutos.blogspot.com
camillcruz@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Flashes

0 comentários
Retalhos, cortes, recortes
Meados, bocados, cacos
Tiras, pedaços, metades
Porções, estilhas, nacos

Todos girando
Em minha cabeça
Num tumulto,
Em silêncio.

Camilla Cruz
http://spleen-e-charutos.blogspot.com
camillcruz@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Instantes

0 comentários
Bela rosa negra
Jogada ao vento
Tentando sobreviver ao frio
Tentando não morrer
Assim sou eu
Tentando viver longe do teu calor
Longe dos teus abraços
Dos teus carinhos
Dos teus beijos.
Perfeitos momentos ao teu lado
Guardo em minha memória
Para relembrar em instantes necessários
Para não deixar apagar a chama da esperança.
Conformada com a perda
Mas não com a falta
Sinto meu coração pulsar no peito
Pela necessidade, sim
Mas não é como antes
Não são batidas de um coração apaixonado
E sim de um coração machucado
A procurar a pessoa certa para apaixonar-se novamente.

Eduarda dos Santos Brito
http://onlymemories7.blogspot.com
eduarda.brito777@gmail.com
Santiago, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

A Hospedeira (Stephenie Meyer)

0 comentários

Dica da Eduarda Brito.

__________
Para sugerir algum título, envie um e-mail para:

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...