domingo, 14 de outubro de 2012

Vampiro



Nasci. Cresci. Morri!
E aqui permaneci.
Intocável.
Vendo a todos.
Todos morrerem...
Inclusive o amor!
Sugando os sentimentos carnudos.
Das pessoas com dor.
Sem saber pra onde vou!

Ahh como é triste!
Ser eterno entre os séculos.
E uma testemunha ocular da perversidade humana.
Da deturpação dos valores.

E as pessoas estão cada vez mais podres.
De tão ácidas...
... já perderam até o sabor!
E de vampiro, só me resta a cor!


Rian Lopes
rianlopesl@yahoo.com.br
Santa Maria, RS 


Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

ATENÇÃO: A Casa do Poeta de Santiago não se responsabiliza pelo conteúdo dos artigos ou pelas idéias expressadas por estes. Os artigos publicados neste espaço são de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores, e expressam as idéias pessoais dos mesmos.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...