segunda-feira, 12 de setembro de 2011

63 anos de Caio Fernando Abreu: O rato

Não olhava para trás, porque olhar para trás era uma maneira de ficar num pedaço qualquer para partir incompleto, ficado em meio para trás. Não olhava, pois, e pois não ficava. Completo partiu.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...