quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Canção à mulher gaúcha

A mulher gaúcha é chamada de prenda
E prenda é palavra de grande valor
(Aqui no Rio Grande a prenda é prendada
E considerada a mais linda flor)

É a flor do campo, brinco de princesa
Seu pranto chorado é um orvalho de luz
(Seu branco sorriso é de rara beleza
Que a natureza preserva e seduz)

(Mulher gaúcha sejas minha prenda
Serás minha prenda, serei teu peão
Não tenho riquezas mas tua fazenda
Serás para sempre o meu coração)

A mulher gaúcha, jóia lapidada
De sangue nativo e também de além-mar
(Irmã, filha, esposa ou mãe adorada
A abençoada, rainha do lar)

Eu deixo um recado a quem desejar
Fazer do meu verso a sua oferenda
(À mulher gaúcha, em primeiro lugar
Tem que respeitar e chamá-la de prenda)

Clodinei Silveira Machado
silveiraselva@ibest.com.br
Santo Ângelo, RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

Um comentário:

Denis Fortun disse...

Lindo poema, meu amigo Santiago. E verdadi, la mulher e prenda. Boa sorti.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...