quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

O Natal de minha infância

Abrindo as portas do passado
vejo com toda clareza
o Natal de minha infância!

A casa toda enfeitada,
a árvore recheada
com bolas de todas as cores.
No assoalho, os presentes,
em pacotes coloridos,
juntinho ao presépio
que mamãe se orgulhava
de ser por ela arranjado.

Portas e janelas abertas,
esperando Noel
que, para nós, crianças,
era um velhinho encantado.
De olhinhos arregalados,
esperávamos sua chegada
para distribuir os presentes,
que em nossa mente infantil
ali, por ele foram deixados.

Quanta paz e alegria, meu Deus,
havia naquele tempo!
Podia-se sair à rua
para os vizinhos cumprimentar,
e, de mãos dadas, rezar e cantar
para receber Jesus Menino,
que estava por chegar.

Não havia a violência
que hoje ronda nosso lar.
era tudo paz e felicidade!

Mas, o sonho acabou,
cerro as portas do passado,
ao presente preciso voltar
e viver de minha saudade!

Antonia Nery Vanti (Vyrena)
http://sonhandocomvyrena.eu5.org
vyrena@terra.com.br
Porto Alegre/RS



Se você quiser divulgar neste espaço, envie seu seu trabalho para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...