quarta-feira, 9 de junho de 2010

O Mar

Às vezes me lembro do Mar.
Ondas, Marés...
Cardumes, pescadores...
Sereias, baleias...

Doces sonhos de uma infância...
Castelos, brincadeiras...
Jogos na areia...
Banhos de limpeza...

Ondas que sobem e descem...
Em movimento ritmado...
Olhos fechados...
A esquecer o passado...

Sussurros de vento...
Na noite gelada...
Silêncio quebrado...
Por Pescadores e barcos...

Ah! A areia...
Deixa ser marcada...
Por pegadas...
Que não mais serão pisadas...

Gaivotas no ar...
Prontas para mergulhar...
Mergulho e Ascensão...
Uma busca por refeição...

Na distância uma luz...
A guiar os viajantes...
Belo farol que reluz...
Um brilho, que seduz...

O Mar...Sempre tão belo...
Em todo seu universo...
És Majestoso, é sincero...
Um esplendor, com esmero...

Tiago Ribas
http://horadotedio.blogspot.com
body.count@uol.com.br
Curitiba, PR



Se você quiser divulgar seu trabalho neste espaço, envie um e-mail para casadopoeta.stgo@gmail.com com os seguintes dados: nome completo; foto; blog (se tiver); e-mail para contato e cidade/estado.

Um comentário:

Guida Rosa disse...

Vim deixar um pouco de mim..
Venha deixar um pouco de você
No mar da imaginação
Eu trafego todo dia
Não preciso embarcação
Que o meu mar é poesia
abraços GUI.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...